Parque Natural do Alvão, Parques Naturais, Percursos Pedestres, Portugal, Vila Real

PR2 – Parque Natural do Alvão @ Agarez – Galegos da Serra – Arnal

24/10/2011

Agarez, Arnal e Galegos da Serra eram topónimos que me diziam muito pouco, mesmo imediatamente antes de me pôr ao caminho. Estas povoações rurais, alojadas na encosta Este do Alvão, reproduzem ainda o que de mais autêntico há na tradição e memória nacionais.

O Percurso Pedestre entre Agarez, Galegos da Serra e Arnal é dos pouco percursos pedestres marcados no belíssimo Parque Natural do Alvão. Felizmente são cada vez mais os “trekkers” que vão partilhando os percursos para que todos possamos descobrir este parque.

Início do percurso

O percurso inicia-se em Agarez ( 41°19’21.24″N ;   7°47’32.12″W) com uma acentuada subida. Atravessamos o antigo caminho que leva as gentes e animais da aldeia de Agarez até Galegos da Serra. As vistas são fantásticas, os tons outonais dão outro encanto aos montes. Ao longe, Vila Real, serena, observa-nos…

Vila Real, a fundo…

A descida até ao Rio Corgo… Ficará para a próxima a aproximação às cascatas…

A ribeira de Arnal!!  ( 41°19’19.40″N;   7°48’3.79″W)

Depois de uns minutos de descontracção nas águas frias da Ribeira de Arnal, iniciámos a subida em direcção a Galegos da Serra…

Galegos da Serra

Galegos da Serra, no início do caminho até à escola ecológica de Arnal.

Iniciada a parte do troço que leva ao topo da Serra e também à escola ecológica de Arnal, o sol começa a fazer das suas e aquece, lá no alto.

Subida…

Chegávamos ofegante ao topo do monte e deixávamos para trás a parte mais difícil do percurso. É hora de descansar. Estamos na Escola Ecológica de Arnal (41°19’52.04″N;   7°48’42.10″W).

A Escola Ecológica de Arnal é uma casa de natureza, um centro de acolhimento. Actualmente é explorado pelo PNAl (ICN) e conta com quatro unidades de alojamento (capacidade total de 12 camas).

Escola Ecológica de Arnal

Contato da Escola ecológica de Arnal: Contactar “Parque Natural do Alvão”, Largo dos Freitas, 5000-528 Vila Real, T.259 302 830 / F. 259 302831, Web page: www.icnb.pt, Coordenadas GPS: 41º17`37.76“N 7º44`46.56“O.

Daqui, descemos em direcção a Arnal, aldeia encurralada nas paredes medonhas do Alvão, envolta por fragas gigantes. Imagino esta aldeia há uns anos. Sem electricidade, sem água, sem acessos… As neves fortes que aqui caem deixavam-nos encurralados, à suas sortes, durante dias…

Arnal.  A estrada de acesso à aldeia não tem saída. Quem vai tem, obrigatoriamente, de voltar…

Agora é mais fácil, continuamos a descer, acompanhando os pequenos cursos de água que deambulam serra “abaixo”.

Sem darmos conta, o fim é já ali. Subimos ao topo das rochas e tentámos adivinhar que animais escondem elas…

Que animais são estes?

PR2 – Parque Natural do Alvão

Tipo de Percurso – Percurso pedestre circular, com caminhos de pé posto, carreteiros e troços de estrada alcatroada. Paisagem de grandes contrastes entre  verdes campos e declives  rochosos. Arquitectura tradicional de Galegos da Serra e Arnal. Caos granítico de Arnal. Amplas vistas sobre a cidade de Vila Real e regiões circundantes.

Acesso – A partir da IP4 – Saída Vila Real / Hospital, seguir direcção Hospital / Lordelo / Agarez. (MAPA GOOGLE)

Início/Chegada – Agarez –  41°19’21.24″N ;   7°47’32.12″W (estrada municipal 1214)

Extensão / Duração – 6,6 km / aprox. 3 horas

Grau de Dificuldade – Alto

Perfil de Altitude / Altimetria

Altitudes compreendidas entre 700m e 1 000m).

Mapa

Ficheiros GPS

GPX KML

Mais informações:

Sola Gasta

Instituto da Conservação da Natureza

FOTOS

[vodpod id=ExternalVideo.1008218&w=425&h=350&fv=host%3Dpicasaweb.google.com%26hl%3Dpt_BR%26feat%3Dflashalbum%26RGB%3D0x000000%26feed%3Dhttps%253A%252F%252Fpicasaweb.google.com%252Fdata%252Ffeed%252Fapi%252Fuser%252Fsergiofslopes%252Falbumid%252F5678701665416274353%253Falt%253Drss%2526kind%253Dphoto%2526hl%253Dpt_BR]

teste, posted with vodpod

Comentários

Comentários

You Might Also Like

4 Comments

  • Reply Antonio Lagoa 01/03/2012 at 11:50

    Esse rio não é o rio Corgo mas sim a ribeira de Arnal..!! A foto foi sacada desde a última ponte sobre esta ribeira, que vai encontrar mais abixo a ribeira de Galegos.

    • Reply Sérgio Lopes 01/03/2012 at 22:37

      António, tem toda a razão. Afinal, o Corgo ainda fica bem longe….lolol
      Abraço!

  • Reply Sandra Marcelino 02/03/2016 at 22:54

    Bem haja pela visita guiada 🙂 Embora nunca tenha experienciado esse trilho, conheço partes dele e todas têm um cheiro especial! O monte, o rio, as pedras, as cascatas…um claro convite à experiência de múltiplas sensações! Também recomendo!

    • Reply os meus trilhos 05/03/2016 at 17:23

      Obrigado pela visita Sandra e pelas simpáticas palavras. O Alvão é maravilhoso…. 🙂

    Este artigo foi escrito para si. Se gostou, comente...