Olá, somos o Sérgio e a Sandra! Costumamos dizer que "somos viajantes a tempo inteiro e juristas nas horas vagas". Mas somos, acima de tudo, apaixonados pelo mundo, pelas viagens... sejam elas curtas ou longas. É da Guarda, a cidade dos cinco f's e por sinal a mais cidade mais alta, que procuramos abolir fronteiras. Com mochila às costas e botas calçadas venham connosco, entrem em autocarros apinhados, comboios eternos e estradas lamacentas… Tudo sobre nós >>> Sigam-nos no Facebook

3 thoughts on “A nossa viagem dava um filme… Indiano!

  1. Olá,

    Parabéns pelos vossos posts que estão maravilhosos 🙂

    Sou portuguesa e estou a pensar em ir à India com o meu marido, como também não gostamos de excursões, estamos com algum receio sobre a ultimas noticias de mais ataques a mulheres, com os devidos cuidados (não sair à noite e forma de vestir) será demasiado perigoso ir um casal sosinho?

    Obrigada pela ajuda

    Andreia

    1. Olá Andreia,

      Obrigado pela visita, por ter dedicado algum tempo às nossas crónicas e pela simpáticas palavras.
      É compreensível, depois de algumas notícias vindas a público, ter algum receio em ir à Índia. Como sempre, as coisas nem sempre (quase nunca) são como nos mostram na tv.
      A Índia é um país muito tranquilo. Claro que para os padrões acidentais há algumas coisas que poderão causar alguma confusão, mas a nível de segurança acho que não há nada a recear. Há países bem mais perigosos na Europa, acredite.
      Vai encontrar muita confusão, pessoas que fixam o olhar e não largam 🙂 mas acabará por se habituar.
      Se nunca andou pela Ásia, deverá estar preparada para as surpresas, para o atraso, para o maior princípio indiano: tudo tem uma solução. Há sempre alguém que tem uma amigo que pode solucionar o nosso problema.

      Estaremos por aqui, para dar todas as dicas e partilhar tudo convosco. Claro, se finalmente decidirem a ir, de certeza que será uma viagem inesquecível, a sério.

      Abraço

      Sérgio

Leave a Reply

Your email address will not be published.