Alemanha

10 coisas grátis a não perder em Berlim

23/07/2013

Berlim, a capital alemã, cativa pela variedade das atrações turísticas, pela sua singular vida cultural e por um modo vida animado, mas ao mesmo tempo descontraído.

Apesar da inegável ligação a um dos períodos mais sangrentos da nossa história recente, Berlim convive com o seu passado e mostra-se aberta ao futuro.

Apesar de não ser uma das cidades mais caras da Europa, como andamos sempre à procura de maneiras de tornar as nossas viagens extreme lowcost decidimos partilhar 10 coisas grátis que pode fazer em Berlim.

1 – Free tour – Visita gratuita

IMG_5939.jpg

Há muitas empresas a oferecer visitas gratuitas à cidade de Berlim, grande parte delas em inglês e espanhol (por vezes em alemão e francês). Nós já fizemos várias com a NewEurope e recomendamos. Mais informação sobre empresas e funcionamento destas visitas guiadas gratuitas.

2 – Memorial ao Holocausto (Memorial aos Judeus Mortos da Europa)

memorial do holocausto

Mesmo ao lado das Portas de Brandenburgo, este é um imponente memorial erguido em  memória dos Judeus Mortos da Europa, vítimas do Holocausto. Projetado pelo arquiteto Peter Eisenman, o memorial consiste numa área de 19.000 metros quadrados coberta com 2.711 blocos de betão (“stelae”). É grátis.Mais informações sobre o Memorial ao Holocausto em Berlim

3 – Museu do Holocausto (Ort der Information)

IMG_0367.jpg

Por baixo do Monumento ao Holocausto, existe uma edifício subterrâneo com cerca de 800 metros quadrados chamada de “Local da Informação” (ou Ort der Information em alemão). Neste espaço, de acesso gratuito, existe um conjunto de informação interativa e de documentos sobre a perseguição e o extermínio dos judeus. Este espaço de informação está aberto das 10:00 as 20:00hs, nos meses de abril a setembro e das 10:00 as 19:00hs, de outubro a março. Às segunda-feiras está fechado. Existem audioguias que nos ajudam a percorrer a história da perseguição ao povo judeu. É grátis.Mais informações sobre o Museu do Holocausto

4. Portas de Brandeburgo (Brandenburger Tor)

Portas de Brandebugo

Entre a mundialmente famosa avenida Unter den Linden e o parque Tiergarten encontra-se um dos mais reconhecidos símbolos de Berlim: as Portas de Brandeburgo. A partir de 1961, com a construção do muro de Berlim, veículos e pessoas deixaram de poder passar por esta imponente porta… até 1989!Saindo pelas Portas de Brandebugo e cirando à esquerda vamos diretamente para o Memorial ao Holocausto (Memorial aos Judeus Mortos da Europa)

5. Topografia do Terror (Museu) – Topographie des Terrors

IMG_0375.jpg

A topografia do terror é mais do que um museu, é um local de lembrança, de memória, ou como se diz por cá, um Erinnerungsorten. Neste local os nazis planearam e organizaram o Holocausto, hoje, este espaço, descoberto por acaso, é um centro de documentação, um dos principais e mais visitados memoriais de Berlim. É Grátis.

6. Mercado Turco (Türkischer markt)

IMG_0429.jpg

É barulhento, exótico e vibrante. O Mercado Turco, transforma todas as sextas-feiras a rua Maybachufer, em Kreuzberg, numa animada festas de cores, credos e nacionalidades. O mercado turco afirma-se cada vez mais como um local não só de compras, mas também de visita.Aproveite para passear no emblemático bairro de Kreuzberg. Comece na Oranienstrasse, a via mais movimentada do coração turco de Berlim. Depois perca-se nas dezenas de restaurantes e bares dos mais diferentes países.Mais informações sobre o Mercado Turco

7. Bundestag

bundestag

Além do espetacular jogo de espelhos e da cúpula envidraçada, o topo do Reichstag oferece vistas extraordinárias sobre a cidade de Berlim e os seus principais monumentos. Nós estivemos lá por volta das 21:00, já era noite e chovia torrencialmente, mas adorámos a experiência e as vistas, claro está.Mais informações sobre a Cúpula do Bundestag

8. Tiergarten

Tiergarten

 Tiergarten significa literalmente o “jardim dos animais”, por ter sido o campo de caça da realeza. Tiergarten é um dos maiores parques de Berlim e um excelente local para relaxar e beber uma cerveja. Com os seus 210 hectares há muito verde por onde passear.

9. East Side Gallery (Muro de Berlim)

No dia 3 de agosto de 1961, pela calada da noite, brigadas populares e guardas da RDA bloqueiam todas as entradas do setor Russo de Berlim, ao longo de mais de 150 km. A população acorda rodeada de um muro. Um muro que lhes mudaria a vida. Um muro que separou famílias, separou ilusões. Nasceu o muro da vergonha.Hoje, parte deste muro foi transformado em galeria de arte a céu aberto e pode ser visto na East Side Gallery.

10. Flea Markets

IMG_0472.jpg

Berlim é um paraíso para os amantes das velharias e dos produtos vintage. Os mercados florescem por toda a cidade, principalmente ao domingo de manhã.  A TimeOut Berlim apresente uma excelente lista com os melhores flea markets da cidade, vale a pena dar uma olhadela.O site Berlin.com também tem uma lista interessante de flea markets em Berlim.

Comentários

Comentários

You Might Also Like

No Comments

Este artigo foi escrito para si. Se gostou, comente...