Castilla y Leon, Espanha, Portugal

Ávila, um guia para visitar a cidade amuralhada

21/06/2016

Já tínhamos visto as muralhas de Ávila, pelo menos, uma dezena de vezes. Cada vez que fazíamos a viagem até Madrid era sempre a mesma conversa: um dia destes a ver se vimos até cá, com calma.

Avila-Espanha_osmeustrilhos-1

Hoje foi o dia.

Guardámos um pouco mais do que um dia para conhecer a que, para muitos, é a mais bela cidade amuralhada do mundo e também Património da Humanidade protegido pela Unesco.

Sabemos que um dia não é muito e se quiseres sentir verdadeiramente o pulsar desta cidade vais precisar de muito mais. Mas, como muitos vêm à cidade apenas um dia ou dois, preparámos este pequeno guia para vos acompanhar nesta aventura.

Ávila é a cidade de gente famosa, mas talvez a mais famosa seja Santa Teresa de Ávila que fundou a Ordem das Carmelitas Descalças, por isso não se admire se mais tarde ou mais cedo se cruzar com esta figura na longa e viva história da cidade.

Ávila é umas das várias cidades espanholas património da humanidade. E para começarmos esta maravilhosa aventura, com direito a viajarmos no tempo, aí uns 5 Séc. vamos até ao lugar onde melhor se vê a cidade.

Miradouro “Los 4 postes”

Quem chega a Portugal, via Salamanca (como nós), e depois de umas boas horas de viagem, antes de fazermos o check-in no hotel, fazemos uma pequena paragem no Miradouro “Los 4 postes” (ver localização no Google Maps). É a primeira aproximação à cidade, uma vista panorâmica digna de um postal e que não vão querer perder, de noite, ou de dia.

O miradouro é uma enigmática construção do Séc. XV, constituída por 4 colunas dóricas, com mais de 5 metros de altura.

Los 4 postes - Avila - 2

Segundo a tradição, foi aqui onde, em criança, Santa Teresa de Jesus e o seu irmão Rodrigo na sua fuga da cidade e com projectos de viajar até terras longínquas para morrerem mártires, foram detidos pelo tio. Mais tarde, quando Santa Teresa é expulsa da cidade devido à sua divergência com a instituições religiosas da altura, terá parado neste lugar e, olhando para a cidade e tirando as sandálias que levava calçadas, terá dito:“De Ávila, ni el polvo” – “De Ávila, nem o pó”. Toda a história e as lendas associadas ao monumento Los Quatro Postes podem ser lidas aqui, na página no Turismo de Ávila.

Circular pelas Muralha de Ávila

Já na cidade, começamos a nossa “viagem” na Puerta de Carnicerias, mesmo a lado da Catedral de Ávila. Além de ser um ponto bastante privilegiado da cidade, pois situa-se mesmo ao lado da Catedral e da praça “El Grande”, este é também um dos principais pontos de acesso à Muralha.

Em dias de calor, é aconselhável começar a sua rota pela caminhada pelas muralhas, aproveitando a frescura da manhã.

Muralhas de Avila - Spain

Com um perímetro de 2516 metros, com 87 torreões  e 9 portas, as Muralhas de Ávila são das poucas do mundo que estão completas, circulando inteiramente a cidade. Além da vida e da história da cidade estar intimamente ligada à muralha, também do ponto de vista físico a muralha é um testemunho dos tempos, das épocas por que passou esta linda cidade.

Uma das melhores formas de apreciar a grandiosidade desta construção e ao mesmo tempo percebermos a história e a evolução da própria cidade, é caminharmos ao longo da Muralha e irmos lendo a diversa informação estrategicamente colocada.

Atualmente podemos recorrer cerca de 1700 metros da muralha. Nós optámos por começar o nosso percurso na Puerta de Carnicerías (ao lado da Catedral) pois é também aí que temos um ponto de venda de bilhetes e ainda uma pequena “Oficina de Turismo”, onde podemos ter acesso a alguns mapas e maquetas da muralha.

Ao longo da pequena caminhada pela muralha, podemos ter uma panorâmica excelente sobre a cidade e ver os principais lugares de uma outra perspectiva.

Avila-Espanha-Spain-5Vista da fachada da fachada principal da Basílica de San Vicente

Para sabermos tudo sobre a muralha, desde percursos a preços, podemos consultar este excelente site inteiramente dedicado a esta maravilha.

O preço de acesso à muralha é de 5€ por pessoa (3,5 € crianças, estudantes e grupos), sendo que à Terça Feira, das 14.00 às 16:00 horas, a entrada é gratuita.

Se quisermos um excelente folheto com informação da muralha, podemos imprimir este elaborado pela Diputación de Ávila.

La Puerta del Carmen

Continuamos a circular a muralha, no final do troço de “Carnicerias”, passamos a Puerta del Mariscal e  mais abaixo, com uma silhueta inconfundível, temos a Puerta del Carmen, uma das mais famosas portas de entrada na cidade. Esta porta é inconfundível, pois é a única com um campanário.

Para os abulenses (habitantes da cidade de Ávila) a Porta del Cármen é também conhecida como  “arco de la carcel” – arco da prisão.

Avila-Espanha-Spain-13

Ambos os nomes são fáceis de explicar: o nome “Puerta del Carmen” advém do facto de ter havido nesta zona da muralha um antigo convento carmelita. Neste lugar, houve mais tarde uma prisão.

Avila-Espanha-Spain-11

Se gostam de bonitas vistas, daqui vão ter uma das mais singulares e ao mesmo tempo das mais características. É desta zona que toda a malta faz a foto da praxe. Nós fomos apanhados por um tranquilo pôr do sol.

Avila-Espanha-Spain-1

Há um folheto muito interessante e com informação bastante detalhada de cada uma das portas, basta aceder aqui.

 

Convento e Museu de Santa Teresa

Se caminhaste ao longo das muralhas até ao fim, de certeza que saíste na Puerta del Puente Adaja. Daqui, caminhamos através de umas da ruas que ladeiam a muralha pelo lado Sul, passamos Jardin José de León e em pouco minutos estamos na Plaza de la Santa, de frente para a fachada do convento.

Se ficaste a meio, como nós, e aproveitaste para descer das muralhas na Puerta de Carmen, é só a travessar a cidade mesmo a meio e seguir em direção sul pela rua Trés Tazas até à Plaza de la Santa. Também podemos facilmente aceder ao Convento de Santa Teresa através da porta, adivinhem lá, de Santa Teresa.

Dentro da igreja encontram-se as relíquias da personagem mais conhecida de Ávila, Santa Teresa de Ávila.

Ao lado da igreja há um museu (preço 2€ por pessoa) que mostra aspetos curiosos da vida de Santa Teresa, bem como artigos do seu dia-a dia- como viveu Santa Teresa e

Avila-Espanha-Spain-16

Plaza del Mercado Chico

Como o sol já deve ir a pique e a barrigas a “dar horas”, vamos através das ruelas empedradas até ao Mercado Chico. Vamos aproveitar para descansar um pouco e tirar a prova dos nove às tapas de Ávila. Ao redor do Mercado Chico existem diversas opções de pequenos restaurantes e bares onde podemos descansar um pouco. Se tiver sorte e apanhar um dia de mercado pode comprar imensas variedades de frutas e legumes. Se tiver tempo, ao lado do Mercado Chico encontra-se a Igreja de San Juan, encerrada mas com uma fachada interessante.

Mercado Chico - Avila

Catedral de Ávila

Subimos a rua “Reyes Católicos” até a Plaza de la Catedral. E aqui ergue-se, como o próprio nome indica, uma das jóias desta cidade: a Catedral de Ávila, que na verdade se chama La Catedral de Cristo Salvador de Ávila.

Quem conhece a catedral de Salamanca, por exemplo, vai achas esta bem diferente. É cinzentona, pois na verdade é construída com blocos de granito que lhe conferem esta cor, que para nós, portugueses, é bem conhecida, pelo menos nas catedrais mais a Norte.

A Catedral está historicamente e fisicamente unida à muralha da cidade, parte dos seus muros são também os muros da catedral.

Avila-Espanha-Spain-19

Foi a primeira catedral a ser construída em estilo gótico, em Espanha e reserva um pormenor vem curioso. Ao que parece, a Catedral tem partes inacabadas que urge terminar. Contudo, o Vaticano e e a UNESCO não chegam a acordo sobre a propriedade da catedral, umas vez que a muralha pertence a uns e a igreja a outros. Pronto, e assim ficamos enredados nestas burocracias. Atenção aos Horários e Preços da Catedral (ver aqui)

Puerta del Alcazar e Plaza del Mercado Grande

Se circularmos a Catedral pelo lado direito e seguinto a pequena ruela Cruz Viega, vamos dar a uma das mais monumentais portas de entrada na cidade amuralhada, a Puerta del Alcazar. Atravessamos e estamos de frente para o Mercado Grande e a Igreja de São Pedro.

 largo

O Mercado Grande é o centro nevrálgico da cidade, é aqui que a vida cosmopolita se concentra. Aqui encontramos inúmeras lojas de roupa, produtos típicos e claro, restaurantes e bares. É um bom lugar para terminar o dia e jantar. Mas ainda é cedo e vamos continuar o nosso recorrido pela rua que se situa à esquerda, a Rua Estrada em direção à Plaza de Italia onde se situa a Mansión de los Deanes e que alberga hoje o Museu da Cidade de Ávila.

A entrada no museu da cidade custa 1€. Parece pouco? A verdade é que é o preço justo para aquilo que museu tem para oferecer 🙂

Museu de Avila

Basílica de San Vicente

Se decidiu não visitar o Museu da Cidade de Ávila e não quer perder um dos ex-libris da cidade, do Mercado Grande siga pela famosa rua San Segundo – já fora da cidade amuralhada – e dará de frente com a Basílica de San Vicente. A grandiosidade das suas linhas e a cor alaranjada que a pedra de Villamayor de Salamanca lhe confere, transformam este edifício numa das mais belas jóia do Românico espanhol.

Mosteiro de São Vicente_2

A entrada na Basílica custa 2.30€ (preço normal com audioguia) ou 2,5€ para estudantes. A Basílica está aberta de Segunda a Sábado, das 10 às 18:30 e domingos das 16 às 18 horas.

Para Picar

Ávila é um bom lugar para os amantes do “picoteo” e das tapas. Ao longo da Rua San Segundo existem diversos restaurantes e bares onde servem diversas tapas típicas. Se querem algo mais em conta e menos “típico” o Mercado Maior é a vossa área.

VISITÁVILA – Cartão Turístico

Com o cartão “VISITÁVILA”, podemos visitar quase todos os lugares de interesse cultural e histórico de Ávila pelo preço de 15€. Além do mais, para famílias o preço é de apenas 29€ e permite que dois adultos e duas crianças entrem em todos os lugares de Ávila durante 48h. Toda a informação, tintim por timtim, está aqui, no site do Turismo de Ávila.

Mapas e Folhetos

O Turismo de Ávila tem um conjunto de folhetos e guias bastante interessantes, completos e GRÁTIS à distância de um clique. Depois é só descarregar o pdf, imprimir ou levar no tablet 🙂 Para aceder ao material turístico é só clicar

Mais fotografias

PAra ver mais fotos de Ávila, vá até ao nosso facebook ou clique para ver no Google Photos.

Se gostaste de pequeno guia sobre a cidade de Ávila e achas que te vai ajudar na próxima viagem, dá uma ajuda ao nosso blog e partilha este artigo nas redes sociais… é só fazer um clique nos links em baixo. Nós agradecemos 🙂

 

Comentários

Comentários

You Might Also Like

No Comments

Este artigo foi escrito para si. Se gostou, comente...