Galiza

Encontro de Blogs de Viagem em Lalín (Galiza) – Outono 2.0

22/10/2017
Encontro de BLogs de Viagem - Lalin - Galiza

Dizemos em claro português que no meio está a virtude. Não conhecemos equivalente expressão em castelhano, mas descobrimos em galego todo o alcance da mesma.

Lalín, município espanhol da província de Pontevedra, na Galiza, endereçou-nos o convite que, se de imediato nos honrou, haveria de revelar-se ainda mais honroso na forma como nos recebeu e se deu a conhecer na humildade de uma terra que se auto intitula o ponto zero.

Mas um zero que se assume como ponto de partida para a descoberta de toda a região da Galiza, terra de encantos, lendas e uma história marcante no contexto peninsular.

Lalin km 0.jpg

Génese de uma cultura partilhada na diáspora das suas gentes, o quilometro zero incrustado a metal na avenida central da cidade marca o palpitar da Galiza. Desde ali as principais cidades galegas ficam equidistantes e esse estatuto geográfico central é algo de que a cidade se orgulha.

Lalín que serviu de entreposto durante séculos, antes da Espanha unificada, às trocas comerciais  ainda antes do alcatrão rasgar a paisagem, foi a nossa “casa” durante o fim de semana de 6, 7 e 8 de outubro.

Foi um fim de semana em cheio. Sob o epíteto “Outono 2.0 en Lalín”, à mesa e na descoberta, juntaram-se blogs de viagem, vindos dos 4 cantos de Espanha e também de Portugal.

Encontro de Bloggers - Lalin (osmeustrilhos.pt)-1.jpg

Os Bloggers participantes no encontro:

Noutros artigos que já estão em marcha, havemos de contar-vos tudo sobre Lalín, este pequeno recanto incrustado entre castanheiro e carvalhos. Apesar de famosa pelo seu clássico cozido galego (bem parecido com o típico português), Lalín  é muito mais. Com um toque vanguardista, a sua gastronomia está aberta ao mundo e presenteou-nos com excelente comida vegetariana, daquela de crescer água na boca.

Havemos também de vos levar a Castrodeza, a Mouriscade, à Ponte dos Cabalos e às Fragas de Catasós. Havemos de vos falar dos cantos “secretos” para apreciarmos a natureza, o outono, e até os caminhos de Santiago.

Por agora, vamos mostrar-vos como ficámos bem instalados num “palacete” do Séc. VII, o lugar que calorosamente nos e permitiu retemperar as forças a cada dia da visita: Hotel Pazo Bendoiro.

pazo de bendoiro - lalin.jpg

O encontro e o reflexo nas notícias:

Deste maravilhoso fim de semana resultaram os seguintes artigos aqui no blog:

Comentários

Comentários

1 Comment

Leave a Reply