Início Parques Naturais PN Peneda Gerês GERÊS: Preparação da viagem!

GERÊS: Preparação da viagem!

|

|

|

Com toda a certeza, ninguém passará indiferente às paisagens, às histórias, à magia que se respira no Gerês. Mas para que possamos apreciar ao máximo é essencial que façamos um plano mínimo, com os pontos impreterivelmente a visitar, sob pena de fazermos como grande parte das pessoas: visita as caldas do Gerês, S. Bento da Porta Aberta e regressa… O PNPG é muito mais do que isto, ou melhor, não é nada disto.

Com toda a certeza, ninguém passará indiferente às paisagens, às histórias, à magia que se respira no Gerês. Mas para que possamos apreciar ao máximo é essencial que façamos um plano mínimo, com os pontos impreterivelmente a visitar, sob pena de fazermos como grande parte das pessoas: visita as caldas do Gerês, S. Bento da Porta Aberta e regressa… O PNPG é muito mais do que isto, ou melhor, não é nada disto.

tenda.jpg
O local de abrigo: tenda BERG Adventure III Plus

É essencial irmos devidamente informados, com rotas mais ou menos traçadas devido à imensidão do parque. Felizmente a internet fornece-nos quase todo o material que necessitamos, todavia um bom livro nunca é de excluir.  Consulte também os sites dos Municípios que fazem parte do parque natural e mesmo os municípios vizinhos, encontrará informações excelentes e úteis.

Como grande parte do parque é coberta por mancha florestal e zonas rurais e se a sua intenção for explorar os recantos escondidos do Gerês, aconselho a aquisição das cartas militares das áreas a explorar e se possível actualizadas. Cartas militares podem ser adquiridas online em http://www.igeoe.pt/.

Se planeia uma visita à zona do planalto de Castro Laboreiro, saiba que na aldeia existe um ponto de informação onde poderá recolher informações mais precisas e inclusive alguns bons mapas.

Quanto aos percursos pedestres, eles encontram-se devidamente sinalizados, todavia nem sempre são acompanhados da descrição do trilho assim como a sua distância. Para uma visão geral dos percursos e do parque em si, existe um mapa muito bom que pode ser adquirido quer em qualquer delegação do PNPG quer em qualquer das portas de entrada no PNPG. Para alguns percursos pode encontrar nos postos de turismo da zona do Gerês folhetos informativos, mas informe-se devidamente se determinado trilho esta a funcional, se é aberto ou fechado e as condições dos caminhos para não ter desilusões.

Estará na serra, por isso, quer vá durante o tempo mais quente, quer vá no Inverno, não deixe de levar agasalhos principalmente para passar a noite.

 

Mais informação:

http://www.geira.pt/pnpg/index.html

http://peneda-geres.naturlink.pt/

http://www.serra-do-geres.com/

 

os meus trilhoshttp://osmeustrilhos.pt
Olá, somos o Sérgio e a Sandra (e agora também o pequeno Simão). Costumamos dizer que "somos viajantes a tempo inteiro e juristas nas horas vagas". Mas somos, acima de tudo, apaixonados pelo mundo, pelas viagens... sejam elas curtas ou longas. É da Guarda, a cidade dos cinco f's e por sinal a mais cidade mais alta, que procuramos abolir fronteiras. Com mochila às costas e botas calçadas venham connosco, entrem em autocarros apinhados, comboios eternos e estradas lamacentas… Tudo sobre nós >>>

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Olá, somos o Sérgio e a Sandra (e agora também o pequeno Simão). Costumamos dizer que "somos viajantes a tempo inteiro e juristas nas horas vagas". Mas somos, acima de tudo, apaixonados pelo mundo, pelas viagens... sejam elas curtas ou longas. É da Guarda, a cidade dos cinco f's e por sinal a mais cidade mais alta, que procuramos abolir fronteiras. Com mochila às costas e botas calçadas venham connosco, entrem em autocarros apinhados, comboios eternos e estradas lamacentas… Tudo sobre nós >>>

Must Read

Moreira de Rei, a guardiã do planalto | Trancoso

Parece impossível que mesmo dentro do nosso concelho de nascimento ainda haja recantos a descobrir. É por isso que viajar é sair...

Penedros da Cabeça, um baloiço no coração da Beira

Em Lamas de Ferreira de Aves o confinamento deu frutos e um filho da terra deu asas à imaginação e construiu em...

Portas do Almourão e o Rio Ocreza

Chegámos às Portas do Almourão num daqueles dias tímidos de junho. Os dias prometiam calor, mas a aragem matinal obrigava a um...

Bogalhal Velho, a maldição das formigas gigantes

Viajar é isto, é sair e parar a poucos quilómetros de casa e descobrir que mesmo aqui ao lado há aldeias perdidas...

Gerês – Os lugares que são de visita obrigatória

O Parque Nacional Peneda-Gerês é um dos locais mais genuínos em Portugal. É um misto de natureza e tradição. O Gerês é...