Início Viagens África Rabat, a capital do Reino de Marrocos

Rabat, a capital do Reino de Marrocos

|

|

|

Porta principal do palácio real – Rabat

Bem-Vindos a Rabat. Da praça Mechouar, ainda em estado de letargia matinal, observo a fachada da mesquita de Ahl Fés. É incrível como o religioso, não importa qual a religião, é um factor determinante no desenvolvimento da arquitectura e da arte. A mesquita Ahl Fés é a mesquita particular do Rei de Marrocos e, à sua frente, neste preciso momento, passam os guardas do palácio, uma espécie de “Saddam’s”.

Mesquita Ahl Fés

Quando ontem chegámos a Rabat, já a noite ia avançada. Sentia-se a aragem marítima, deixávamos definitivamente o calor marroquino. Estamos na costa.

Rabat é a capital administrativa de Marrocos e uma das suas principais cidades. Actualmente, as suas avenidas largas e arejadas albergam cerca de 1,7 milhões de habitantes. Rabat tornou-se uma das 4 cidades imperiais do Marrocos em 1660. As outras cidades imperiais são Meknès, Fès e Marrakech.

As largas avenidas de Rabat, ladeadas por edifício a lebrar a época colonial

Antes de rumarmos a El-Jadida, e entretanto Casablanca, decidimos fazer uma visita rápida ao gigantesco complexo real. Além do Palácio propriamente dito, alberga a mesquita Ahl Fés, o Mausoléu e ainda o belíssimo Jardim Andaluz.

Lateral da mesquita

A entrada é grátis. Passamos por um controlo de segurança na entrada que nos retêm, temporariamente, os passaportes. Devem ter receio que fujamos com alguma árvore real às costas.

Os caminhos ondulantes até à praça Mechouar levam-nos através do Jardim Andaluz. Num autêntico estilo mourisco, os recantos deste jardim tornam-se ainda mais belos sob o orvalho matinal.

O palácio foi construído em 1864 sobre as ruínas de outro antigo. Moulay Ismail, sultão almóada, não só unificou o país, como também foi responsável pelas maiores construções até então. Entre elas, está o palácio real.

Palácio Real – Rabat

Mapa da cidade

—>>> mapa <<<—

Localização

[googlemaps http://maps.google.pt/maps?f=q&amp;source=s_q&amp;hl=pt-PT&amp;geocode=&amp;q=rabat,+morocco&amp;aq=&amp;sll=39.639538,-7.849731&amp;sspn=10.129998,19.753418&amp;vpsrc=0&amp;ie=UTF8&amp;hq=&amp;hnear=Rabat,+Rabat-Sale-Zemmour-Zaer,+Morocco&amp;t=m&amp;z=11&amp;iwloc=A&amp;output=embed&w=425&h=350]

os meus trilhoshttp://osmeustrilhos.pt
Olá, somos o Sérgio e a Sandra (e agora também o pequeno Simão). Costumamos dizer que "somos viajantes a tempo inteiro e juristas nas horas vagas". Mas somos, acima de tudo, apaixonados pelo mundo, pelas viagens... sejam elas curtas ou longas. É da Guarda, a cidade dos cinco f's e por sinal a mais cidade mais alta, que procuramos abolir fronteiras. Com mochila às costas e botas calçadas venham connosco, entrem em autocarros apinhados, comboios eternos e estradas lamacentas… Tudo sobre nós >>>

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Olá, somos o Sérgio e a Sandra (e agora também o pequeno Simão). Costumamos dizer que "somos viajantes a tempo inteiro e juristas nas horas vagas". Mas somos, acima de tudo, apaixonados pelo mundo, pelas viagens... sejam elas curtas ou longas. É da Guarda, a cidade dos cinco f's e por sinal a mais cidade mais alta, que procuramos abolir fronteiras. Com mochila às costas e botas calçadas venham connosco, entrem em autocarros apinhados, comboios eternos e estradas lamacentas… Tudo sobre nós >>>

Must Read

Lagos do Sabor, um azul imenso em Trás-os-Montes

Roteiro pelos Lagos do Sabor, em Trás-os-Montes. Lagos azuis, serras e vales profundos. Dicas para visitar Lagos do Sabor, alojamento, percursos pedestres

5 Vilas Medievais no Sabugal que tem mesmo de conhecer

Há 5 Vilas Medievais no Sabugal que todos devíamos conhecer. Não só porque são bonitas, mas acima de tudo porque estão umbilicalmente...

As melhores Praias Fluviais na Serra da Estrela (e arredores)

Já pensou em desfrutar destes dias de calor longe das multidões das praias do litoral, em plena comunhão com a natureza, no...

Moreira de Rei, a guardiã do planalto | Trancoso

Parece impossível que mesmo dentro do nosso concelho de nascimento ainda haja recantos a descobrir. É por isso que viajar é sair...

Penedros da Cabeça, um baloiço no coração da Beira

Em Lamas de Ferreira de Aves o confinamento deu frutos e um filho da terra deu asas à imaginação e construiu em...