Início Portugal Açores Lagoa do Congro, São Miguel | Açores

Lagoa do Congro, São Miguel | Açores

|

|

|

A Lagoa do Congro é de uma beleza fascinante, pura e surpreendente. E o melhor é que ainda fica fora da rota turística tradicional, por isso, com sorte, poderá ter a lagoa só para si. Quando na nossa conta do Instagram pedimos dicas e sugestões de lugares a visitar, muitos dos nossos seguidores nos sugeriram a Lagoa do Congro. E só lá indo conseguimos perceber porquê.

Lagoa do Congro, em São Miguel - Açores

Se a Lagoa, por si só, é mais que suficiente para merecer uma visita, parte da satisfação está em fazer o percurso até ela, cerca de 700 metros, sempre a descer. É um percurso em que nos fará esquecer que vivemos na Terra e mais parece que habitamos algum planeta mágico, habitado por fadas e duendes. Embora não seja difícil o acesso, o facto de termos de caminhar, afasta muitos dos visitantes.

Lagoa do Congro, em São Miguel - Açores

A Lagoa do Congro tem cerca de 1250 metros de perímetro. Está rodeada por árvores densas que escondem as paredes da cratera.

Grande parte das lagoas da Ilha de São Miguel, pelo menos as mais conhecidas, estão situadas no cimo de um cone vulcânico. Ao contrário, a Lagoa do Congro situa-se num enorme “buraco” encaixado na região circundante.

Como chegar à Lagoa do Congro?

Lagoa do Congro localiza-se na zona central da Ilha de São Miguel, a cerca de 6 Kms de Vila Franca do Campo.

Para chegar até a Lagoa do Congro deve-se seguir até a estrada para as Furnas e seguir as placas com a indicação para a Lagoa do Congro. É muito fácil, confira o mapa aqui.

Já perto da lagoa, saímos da estrada cimentada, virando à esquerda, e entrando-se num caminho rural, de terra batida. Andamos por cerca de 1km. Estacione o carro no início do trilho pedestre, que só e possível fazer-se a pé. É fácil identificar porque na entrada do pequeno trilho existe uma placa indicando a Lagoa do Congro.

Trilho para a Lagoa do Congro, em São Miguel - Açores
O trilho que nos leva à Lagoa do Congro

Depois são cerca de 15 minutos a descer, entre um bosque húmido, daqueles que parecem saídos de um conto de fadas. Se tiver sorte, e não houver mais caminhantes pela zona, apenas terá como companhia uma natureza exuberante e o chilrear dos passarinhos. O piso não oferece grandes problemas, tenha apenas atenção à lama que se pode formar, devido à elevada humidade da zona. Há um trilho com vários desvios que levam a outras zonas da lagoa, contudo, estão mal sinalizados e alguns impedidos. Seria espetacular se toda a zona fosse revitalizada.

No final da caminhada, principalmente depois da subida de regresso, vai sentir as pernas. Mas não se preocupem, nós fomos com um rapaz de 2 anos às costas e ainda estamos vivos… Mas mesmo melhor, é ver as fotos e meter-se à estrada…

Os nossos lugares preferidos em São Miguel

A ilha de São Miguel é uma das mais bonitas ilhas do Arquipélago dos Açores e uma das primeiras escolhas de quem vai ao Açores pela primeira vez. Neste artigo fizemos uma seleção dos lugares imperdíveis numa primeira visita.


Ilha de São Miguel, Açores

Ajuda “Os Meus Trilhos”

Partilha este artigo com os teus amigos

Se gostaste das nossas dicas e informações e achas que te vai ajudar na próxima viagem, dá uma ajuda ao nosso blog e partilha este artigo nas redes sociais… é só fazer um clique nos links em baixo. Nós agradecemos do fundo do coração 🙂

os meus trilhoshttp://osmeustrilhos.pt
Olá, somos o Sérgio e a Sandra (e agora também o pequeno Simão). Costumamos dizer que "somos viajantes a tempo inteiro e juristas nas horas vagas". Mas somos, acima de tudo, apaixonados pelo mundo, pelas viagens... sejam elas curtas ou longas. É da Guarda, a cidade dos cinco f's e por sinal a mais cidade mais alta, que procuramos abolir fronteiras. Com mochila às costas e botas calçadas venham connosco, entrem em autocarros apinhados, comboios eternos e estradas lamacentas… Tudo sobre nós >>>

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Olá, somos o Sérgio e a Sandra (e agora também o pequeno Simão). Costumamos dizer que "somos viajantes a tempo inteiro e juristas nas horas vagas". Mas somos, acima de tudo, apaixonados pelo mundo, pelas viagens... sejam elas curtas ou longas. É da Guarda, a cidade dos cinco f's e por sinal a mais cidade mais alta, que procuramos abolir fronteiras. Com mochila às costas e botas calçadas venham connosco, entrem em autocarros apinhados, comboios eternos e estradas lamacentas… Tudo sobre nós >>>

Must Read

Lagoa do Congro, São Miguel | Açores

A Lagoa do Congro é de uma beleza fascinante, pura e surpreendente. E o melhor é que ainda fica fora da rota...

Miradouro da Grota do Inferno, em São Miguel | Açores

O Miradouro da Grota do Inferno (ou da Bocado Inferno), é um dos mais bonitos e impressionantes miradouros da ilha de São...

Cascata do Caldeirão, um segredo bem guardado

A Cascata do Caldeirão é uma cascata (quase) secreta às portas da cidade da Guarda. Mapa, trilho GPS e informações para chegar à cascata.

Cevide, aqui começa Portugal | Melgaço

Em Cevide, perto de Melgaço, encontramos o marco de fronteira n.º 1. Estamos no ponto mais a norte de Portugal. Informação para visitar Cevide

Ilhéu de Vila Franca do Campo, em São Miguel | Açores

O Ilhéu de Vila Franca do Campo é paraíso na Ilha de São Miguel. Neste artigo poderá encontrar informação prática, como visitar e quando ir.